4 de abr de 2010

O poeta está vivo.

Cazuza e Barão Vermelho.
É, eles tão virando o meu modelo de banda.

Po, o cara fazia poesia de forma incrível. As letras eram tão bem pensadas, e tinha tanta inteligência que eu me sinto um neófito (o que é verdade, mas ignoremos)

Agora compara "O tempo não para" com todas as músicas de alguma dessas bandas atuais.
Em uma música, Cazuza conseguiu colocar mais significado e mais inteligência que em toda a discografia do NXZero, por exemplo.
Não dizendo que a banda é ruim, mas falta criatividade, falta poesia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário